Logo do Blog do Bankera
A barra de menu abre o menu de navegação móvel
Logo do Blog do BankeraIR PARA O SITE DO BANKERA
Pesquisar no Bankera Blog

Explicando Investimento em Dividendos

Por Mindaugas Vaičiulis

No Bankera, nós temos como objetivo empoderar nossos usuários não apenas fornecendo-lhes serviços financeiros, mas também conhecimento financeiro. Consequentemente, quando temos a oportunidade, compartilhamos nossa visão sobre os princípios bancários, financeiros e de investimento em nosso blog. Nessa semana, decidimos abordar o tópico de investimento em dividendos, uma estratégia focada em dividendos como uma grande fonte de rendimento esperado.

O que são empresas pagadoras de grandes dividendos?

Empresas pagadoras de grandes dividendos são negócios bem estabelecidos com fluxo de receita mais ou menos estável, que geralmente possuem uma significativa participação de mercado ou até mesmo um monopólio natural, como serviços, telecoms, etc. Tais empresas dificilmente têm potencial para rápido crescimento de mercado, o que limita seu potencial crescimento de preço. Você tem que escolher entre ter grandes dividendos ou compartilhar a esperança de uma escalada nos preços. Infelizmente, não é possível escolher os dois.

 

Pelo contrário, empresas de crescimento rápido geralmente precisam de financiamento adicional. Elas emitem novas ações e títulos e não pagam dividendos durante sua fase de crescimento exponencial.

 

Uma política de dividendos cria alguma segurança para os investidores. Ela declara as intenções da gestão e de acionistas majoritários em relação aos dividendos. Essas políticas podem definir dividendos estáveis, a taxa de crescimento dos dividendos ou uma porcentagem dos lucros paga como dividendo.

Ainda há riscos

A política de dividendos não é uma promessa, mas sim uma carta de intenção que pode ser alterada ou destruída por fatores como má gestão ou má sorte. De qualquer forma, os dividendos só podem ser pagos quando a empresa é lucrativa – investidores devem se preparar para períodos de seca, mesmo possuindo ações com altos dividendos.

 

Apesar de que empresas mais estabelecidas possam apresentar flutuação menor no preço de suas ações, o investimento em ações está sempre exposto a grandes riscos. Até um acúmulo de cinco anos de dividendos pode ser facilmente interrompido por uma oscilação negativa no preço das ações em alguns trimestres quando a empresa ou a economia em geral são atingidas.

 

O rendimento de dividendos é o principal indicador para os investidores. Ele compara o último dividendo pago por ação ao preço atual da ação. Em outras palavras, ele mostra o retorno anual esperado dos dividendos quando você compra ações no valor de mercado atual, supondo que os dividendos se mantenham iguais. O rendimento de dividendos é sempre apresentado como uma porcentagem por ano, independentemente de os dividendos serem pagos anualmente, a cada seis meses ou a cada trimestre.

 

Outro indicador que vale ser mencionado é a taxa de crescimento dos dividendos.

Quem deveria investir?

Os investidores mais avessos ao risco poderiam escolher ações que pagam maiores dividendos. Isso porque essas ações podem dar um conforto maior quando há uma perda na carteira de ações dos investidores. Com sorte, essa abordagem pode evitar negociações sentimentais durante os dias ruins.

 

Os iniciantes podem experimentar esse tipo de ação primeiro, para testar seu comportamento em relação às flutuações das ações.

Minha história

A inspiração para escrever esse artigo veio da oferta pública inicial (IPO) do grupo lituano Ignitis, cujo período de registro termina essa semana, em 1o de outubro. Sua IPO deve ser a maior dos Países Bálticos, com um rendimento de dividendos esperado de 4-5%. Nesse caso, os amantes de dividendos, incluindo eu, podem ficar seguros de que a gestão dividirá os lucros da empresas com acionistas minoritários.

 

Eu incluí fundos e ações com dividendos ao meu portfólio após a crise financeira global em 2007-2009 porque eu estava hesitando em comprar um lote inteiro no início da recuperação. O portfólio consistia em ações de serviços de energia e água do meu mercado de ações nativo do Báltico, quando o rendimento de dividendos era de até 10%. Também comprei um ETF com foco em dividendos, ou seja, o DivDAX alemão, porque seu rendimento de dividendos excedeu minha taxa de hipoteca. Criar sua própria lógica ajuda!

 

Mindaugas Vaičiulis é o Diretor Financeiro (CFO) externo da UAB Pervesk, parceira e mantenedora da licença de dinheiro eletrônico do Bankera. Antes de fazer parte de nosso time, ele foi o Diretor Executivo de Serviços Bancários no Banco Cnetral da Lituânia entre 2012 e 2019.

28 setembro, 2020

Logo do Blog do Bankera